Utensílios – Onde comprar?

Hello Sweeties! Hoje estive dando uma garimpada em algumas lojas online, e resolvi indicar alguns sites nos quais eu mais gosto de fazer compras. Nesses sites, você pode encontrar todo o tipo de coisas, tanto para o uso diário, quanto para o uso decorativo. Vamos conferir?

compras

  • Westwing

Esse site é tudo de bom.  Nele, há promoções diárias e semanais, para qualquer cômodo da casa. Tem preços bem acessíveis e produtos de qualidade.

http://www.westwing.com.br/

  • Casa Pop

Esse também é um site muito bom. O melhor de tudo é que ele ainda dá pra parcelar as compras em até 6x.

http://www.casapop.com.br/

  • Uatt?

Nesse, o site é tão bom quanto as lojas físicas. Sempre compro uma coisinha ou outra. Adoro!

http://lojauatt.com.br/

  • Spicy

Essa loja é TUDO DE BOM, gente! Tem de tudo (tudinho mesmo) pra você equipar a sua cozinha. É o paraíso!

http://www.spicy.com.br/

  • Goldpan

Esse site é o mundo das fôrmas. Tem fôrmas de todos os tamanhos e de todos os gostos, entre muitos outros utensílios úteis.

http://www.goldpanformas.com.br/

  • La boutique du Petit Prince

Uma fofura de loja, gente! Eu AMO o Pequeno Príncipe e tudo o que essa loja vende é perfeito. Ela é uma loja francesa, então, muita atenção na hora de comprar.

http://www.laboutiquedupetitprince.com/fr/

  • AliExpress

Esse aqui eu superindico. É um site onde você compra de TUDO com preços muito acessíveis. E como muita coisa é importada, então o prazo de entrega demora um pouco, E o melhor de tudo é que você ainda pode rastrear o seu pedido. Demais, né?

http://pt.aliexpress.com/

  • Tok Stok

Assim como todas as lojas físicas, o site da Tok Stok é bastante dinâmico . Você encontra o que precisa bem rápido e, pois as categorias são bem separadas e organizadas.

http://www.tokstok.com.br/

  • Lovely Home

Esse site é um paraíso pra pessoas que gostam de decoração vintage. É tudo muito lindo e com precinhos ótimos.

http://www.lovelyhome.com.br/

  • Loja Decô

Também uma loja bem fofinha,especializada em presentes, casa e decoração, etc. Muito bacana .

http://www.lojadeco.com.br/.

* Lembrando que o It’s Sugar Time não possui nenhum vínculo com nenhuma dessas lojas. Os sites foram indicados única e exclusivamente por opção dos autores, por serem os melhores sites nos quais já foram atendidos. Não estamos fazendo propagandas, afinal não é nossa intenção. Gostaríamos também de esclarecer que não estamos sendo beneficiados por nenhuma das empresas citadas e de que foi nossa intenção informá-los de locais de qualidade para os consumidores nesse blog presentes. A equipe do It’s Sugar Time! agradece a compreensão de todos.

Espero que tenham gostado das sugestões e que as compras de vocês sejam bem divertidas. Um beijo e até a próxima!

Get ready ‘cause…

bkg1 - Cópia

Anúncios

Cozinha equipada, sinônimo de sucesso – Parte 4 de 4

Nessa última parte, falaremos sobre os utensílios mais importantes da cozinha e seus usos. As panelas. Quando você for escolher as panelas que utilizará em sua cozinha, deverá se atentar à alguns fatores. São eles :

  • Espessura

É  importante a escolha de panelas com o fundo mais grosso, pois essas retém melhor o calor,demoram um pouco a atingir a temperatura ideal, cozinhando o alimento por igual. Panelas com o fundo muito fino dissipam o calor de forma mais rápida, tornando o cozimento mais difícil.

  • Material

O material que constitui a sua panela influenciará na forma e na velocidade em que o calor atuará na panela. Temos os seguintes materiais :

  1. Alumínio :  São as panelas mais baratas e acessíveis do mercado. Esse material conduz bem o calor, porém  o seu uso é restrito a alguns tipos de alimento, fazendo com que aconteça uma reação química, liberando fragmentos de alumínio no alimento, alterando a cor, o cheiro e o sabor do mesmo.
  2. Cobre : São panelas de custo mais alto. Esse material é um bom condutor de calor, e o interior das panelas deve ser revestido de níquel ou bronze. Ideal para cozimento de doces e compotas.
  3. Ferro : São panelas que possuem um custo moderado. O ferro é liberado muito facilmente para a comida, por isso só é recomendada o uso para pessoas que possuem deficiência desse mineral. O ferro não é um bom condutor de calor, pois ele retém o calor e o libera lentamente para o alimento, por isso é mais usado para cozimentos de tempo prolongado.
  4. Ferro fundido com revestimento esmaltado : Essa panela funciona da mesma forma da panela de ferro convencional. As diferenças são que o custo dela é superior e  nesse tipo de panela, não há a liberação do mineral para a comida.
  5. Inox : São panelas de custo muito superior ao do alumínio, porém não reagem com os alimentos e não retém o calor tão bem quanto ele. Há no mercado, panelas desse tipo de fundo mais espesso, que retém melhor o calor.
  • Tamanho e formato

O tipo de alimento a ser cozinhado influencia na escolha da panela, pois a quantidade de alimento a ser colocado deve preencher a panela de forma a não interromper ou modificar o cozimento. Agora veremos os tipos de panelas e seus respectivos usos.

  • Caçarola

Caçarola

(Imagem da Internet)

É redonda, funda e com duas alças na lateral. Ideal para o preparo de cozidos e ensopados.

  • Caldeirão

Caldeirão

(Imagem da Internet)

Redondo, alto e também com duas alças nas lateriais. Ideal no cozimento de fundos e massas.

  • Panelas com cabo

Panela com cabo

(Imagem da Internet)

Têm cabo longo e borda reta ou levemente inclinada. Ideal para o cozimento de molhos.

  • Poissonière

Possoinière

(Imagem da Internet)

Têm forma oval, alças laterais e um suporte interno vazado, ideal para cozinhar peixes.

  • Sauteuse

Sauteuse

(Imagem da Internet)

É uma frigideira com bordas levemente inclinadas. Ideal para saltear alimentos.

  • Sautoir

Ԁ̖

(Imagem da Internet)

Frigideira de bordas retas. Ideal para frituras rasas e chapear carnes, aves e peixes.

  • Wok

Wok

(Imagem da Internet)

Frigideira com fundo arredondado, para distribuir o calor por igual. Ideal para o preparo de pratos orientais.

Espero que tenham gostado dessa série e das muitas próximas que virão por aí. Um beijo e até a próxima!

Get ready ‘cause…

bkg1 - Cópia

Cozinha equipada, sinônimo de sucesso – Parte 3 de 4

Nessa terceira parte da nossa série, falaremos sobre os equipamentos eletrodomésticos que fazem com que o preparo dos pratos se torne mais prático.

  • Batedeira

Batedeira

(Imagem da Internet)

Usado na mistura mecânica de ingredientes de receitas ou misturas.

  • Forno combinado e forno de lastro

Fornos

(Imagem da Internet)

Esses dois  tipos de forno oferecem uma melhor distribuição do calor, permitindo uma melhor umidade e que o alimento cozinhe mais rápido. Podem ser elétricos, ou funcionar à gás.

  • Geladeira

Geladeira Industrial

(Imagem da Internet)

São usadas para manter o frio, ajudando na conservação dos alimentos.

  • Liquidificador

Liquidificador

(Imagem da Internet)

Utilizado para transformar os alimentos em purês, sopas e sucos, pelo método de trituração.

  • Microondas

Microondas

(Imagem da Internet)

Usado para o aquecimento e o preparo rápido de alimentos.

  • Mixer

Mixer

(Imagem da Internet)

Serve para triturar, misturar e bater os alimentos no recipiente no qual ele será apresentado.

  • Processador de alimentos

Processador de alimentos

(Imagem da Internet)

O processador de alimentos possui diversas funções, como triturar, ralar, fatiar, etc.

Na última parte dessa série, falaremos sobre os tipos de panela e suas respectivas funções. Beijos e até a próxima!

Get ready’cause…

bkg1 - Cópia

Cozinha equipada, sinônimo de sucesso – Parte 2 de 4

Que uma cozinha bem instrumentada e organizada é o diferencial para qualquer cozinha, isso é fato. Hoje falaremos sobre mais alguns outros utensílios que são vitais para um bom funcionamento da nossa cozinha.

  • Aros de montagem

Aros de montagem

(Imagem da Internet)

Estes facilitam a montagem dos bolos, dando a eles o formato e a altura desejados.

  • Assadeiras

Assadeiras

(Imagem da Internet)

Podem existir dos mais diversos materiais, como alumínio, cerâmica, silicone e vidro e também podem ter o fundo removível. Utilizadas tanto para receitas salgadas, tanto para as receitas doces.

  • Boleador

Boleador

(Imagem da Internet)

Serve para esculpir pequenas bolinhas em frutas, verduras e legumes.

  • Carretilhas de corte 

Carretilha de corte

(Imagem da Internet)

Serve para cortar massas.

  •  Centrífuga para folhas

Centrífuga de folhas

(Imagem da Internet)

Serve para secar folhas de forma rápida e eficiente.

  • Chinois

Chinois

(Imagem da Internet)

Serve para coar sopas, caldos e fundos.

  • Cilindro para massas

Cilindro para massas

(Imagem da Internet)

Usado para dar forma à massas de macarrão, pastel, lasanha e outros.

  • Colheres de bambu

Colheres de bambu

(Imagem da Internet)

Substituem muito melhor as colheres de pau.

  • Conchas

Conchas

(Imagem da Internet)

Usadas para pegar ou regar pratos com molhos, caldos, etc.

  • Cortadores

Cortadores

(Imagem da Internet)

Muito utilizado para dar forma à biscoitos, bolos, pães-de-mel, entre outros.

  • Descascadores

Descascador

(Imagem da Internet)

Usado para descascar frutas, legumes e verduras.

  • Escorredores de massa

Escorredor de massa

(Imagem da Internet)

Serve para drenar massas, feijões, etc.

  • Escumadeiras 

Escumadeira

(Imagem da Internet)

Serve para pegar sólidos e drenar frituras.

  • Espátulas

SONY DSC

(Imagem da Internet)

São úteis para quase tudo na cozinha, desde refogar até auxiliar no despejo de alimentos em outros recipientes.

  • Espremedor de legumes

Espremedor de legumes

(Imagem da Internet)

São úteis para amassar legumes para diversas finalidades.

  • Fôrmas

Fôrmas

(Imagem da Internet)

Usadas para dar forma à bolos, mousses, tortas, entre outros.

  • Fouet (ou batedor)

Fouet

(Imagem da Internet)

É utilizado para bater claras, fazer molhos, etc.

  • Garfo de carne

Garfo de carne

(Imagem da Internet)

É usado para pegar carnes e auxiliar no corte das mesmas.

  • Grelhas

Grelha

(Imagem da Internet)

Utensílio utilizado para assar carnes e vegetais ao fogo ou brasa.

  • Jogo de tigelas

Jogo de tigelas

(Imagem da Internet)

São utilizados no preparo e no armazenamento de ingredientes.

  • Medidores

Medidores

(Imagem da Internet)

Usados para medir quantidades.

  • Peneiras

Peneira

(Imagem da Internet)

Usadas para separar os finos.

  • Pilão

Pilão

(Imagem da Internet)

Usado para amassar, macerar e esmagar alimentos.

  • Pinças

Pinça

(Imagem da Internet)

Usadas para pegar e segurar alimentos.

  • Pincel

Pincel

(Imagem da Internet)

Usado para pincelar óleo ou gemas por cima dos alimentos.

  • Ralador

Ralador

(Imagem da Internet)

Usado para ralar queijos, temperos, etc.

  • Rolo de massa

Rolo de massas

(Imagem da Internet)

Usado para abrir massas de pães, pizzas, etc.

  • Saco e bicos de confeitar

Sacos e bicos de confeitar

(Imagem da Internet)

Utilizados para confeitar bolos, tortas, biscoitos, entre outros.

  • Tábuas de bambu

Tábua de bambu

(Imagem da Internet)

Usadas como base para fatiar, abrir massas, etc.

  • Termômetro

Termômetro

(Imagem da Internet)

Usados para medir a temperatura exata dos alimentos.

  • Zester

Zester

(Imagem da Internet)

Usado para ralar cascas de frutas.

No próximo post dessa série, veremos alguns eletrodomésticos essenciais para o funcionamento e a praticidade na cozinha. Um beijo e até a próxima!

Get ready’cause…

bkg1 - Cópia

Cozinha equipada, sinônimo de sucesso – Parte 1 de 4

Independente do tamanho de sua cozinha, é essencial de que ela seja bem equipada. O segredo de um bom prato não está só nos ingredientes utilizados, ou no cuidado que o cozinheiro tem; mas também está nas ferramentas, nos acessórios utilizados. Dividiremos esse manual em quatro partes, sendo essa a primeira, para explicarmos melhor sobre todos os utensílios e acessórios usados na cozinha, de uma forma dinâmica e prática. Listaremos então, os itens necessários à sua cozinha.

O primeiro item sobre o qual falaremos serão as facas.  Primeiro, um pouco da história delas.

As facas surgiram a aproximadamente 6,5 milhares da anos A.C., na chamada Idade do Bronze, na Ásia Menor. Com o passar do tempo, as facas foram fabricadas e utilizadas das mais diversas formas e materiais, desde a pedra lascada até os dias de hoje, forjadas com ferro, cerâmica, entre muitos outros materiais. O maior uso da faca como talher, como sinal de requinte de luxo, se deu a partir do Renascimento, no fim da Idade Média, onde a cutelaria ganhou espaço em países como a França, Itália, Alemanha e a Espanha.

As facas para uso culinário possuem várias funções, como por exemplo cortar, picar, amassar, desossar, descascar, entre muitas outras. A escolha das facas deve ser feita de forma criteriosa, pois o conforto do cozinheiro e o bom desempenho das lâminas no alimento devem ser observados. As facas devem ter uma boa empunhadura, confortável à mão do cozinheiro, um bom encaixe, para que a faca não escorregue durante o corte.

São oito as facas de uso culinário :

  • faca do chef :

Faca do chef

(Imagem da Internet)

Serve para quase tudo, lâmina longa (20 a 30 cm) e larga, ponta ligeiramente curva.

  • faca de desossar :

Faca de desossar

 (Imagem da Internet)

Ideal para carnes, aves, peixes, também descascar frutas e legumes, lâmina longa, fina, pontiaguda.

  • faca de legumes :

Faca de legumes

(Imagem da Internet)

Ideal para cortar e picar legumes.

  • faca de pão :

Faca de pão

(Imagem da Internet)

Ela é serrilhada e longa, ideal para fatiar pães mais moles ou mais duros.

  • faca multiuso :

Faca multiuso

(Imagem da Internet)

Essa pode desempenhar a função de todas as outras facas.

  • faca para fatiar e picar :

Faca de fatiar e picar

(Imagem da Internet)

Ideal para fatiar e picar carnes, frutas, legumes, verduras, entre outros.

  • faca de carne :

Faca de carne

(Imagem da Internet)

Ideal para fatiar carnes, churrasco, etc.

  • A faca para descascar :

Faca de descascar

(Imagem da Internet)

Ideal para descascar legumes, frutas e verduras. Ligeiramente mais curva do que a faca de legumes.

Já falamos sobre as facas. Mas todos sabemos que, quanto mais tempo as usamos, elas vão perdendo o fio. Nesse caso, o ideal é ter sempre um bom amolador. Podemos recorrer às chairas ou as pedras.

  • Chaira

Chaira

(Imagem da Internet)

Possui em seu comprimento várias facetas em que, em atrito com a lâmina, faz com que esta fique mais afiada.

  • Pedra

Pedra de amolar

(Imagem da Internet)

É fabricada com materiais abrasivos. Deve-se usar sempre úmida para facilitar a afiação da faca.

Na próxima etapa do manual, falaremos sobre outros utensílios básicos para se obter uma cozinha funcional.  Um beijo e até a próxima!

Get ready ‘cause…

bkg1 - Cópia

Introdução à culinária ( Conceitos básicos)

Mesa

Mesa

A culinária passou a ser desenvolvida desde os tempos mais remotos, onde a descoberta do fogo foi essencial para a evolução humana. O fogo foi a base para uma alimentação mais fácil, e também para consolidar o Homem como um predador em potencial.

O início do cozimento dos alimentos foi a peça-chave para o desenvolvimento da espécie humana e fundamental no ramo da Gastronomia que conhecemos hoje, pois consolidou a técnica mais antiga, mais rudimentar, ainda mais quando falamos em cozinha.

O contexto histórico foi bastante relevante para o desenvolvimento das técnicas culinárias. Antes, a comida era vista somente como uma questão de sobrevivência;porém, essa realidade foi se transformando em algo de proporções muito maiores. A cozinha passou a estar intrinsecamente ligada à arte, o que mudou a perspectiva de muita gente em relação à época, aos ingredientes e aos utensílios e ferramentas utilizadas. Novas técnicas, novos instrumentos foram criados,e com isso tudo acontecendo, surgiu também a praticidade.

A necessidade de uma boa comida e a preparação rápida foram fazendo com que as técnicas até então conhecidas, fossem aprimoradas, novos instrumentos de corte,manuseio,assepsia e transporte do alimento fossem criadas, para a obtenção de sabores marcantes e inesquecíveis; mantendo sempre a qualidade e o sabor.

Outros aspectos que auxiliaram o desenvolvimento da Gastronomia se deram a partir da regionalidade, das culturas e da religiosidade. Fatores esses que foram cruciais na identidade da comida, do tempero de cada lugar.

Desde então, a cozinha têm se transformado em um lugar extremamente globalizado, pois cada pessoa, cada lugar traz algo diferenciado que fará com que aquele prato seja lembrado, seja na aparência, na criatividade, ou até mesmo nos aromas e sabores. Cada passo precisa ser minuciosamente calculado, para que o conjunto atinja a perfeição; independentemente do cozinheiro ser profissional ou amador. Cada pessoa tem o seu tempo, o seu modo de cozinhar, oque o diferencia de qualquer outra pessoa, de qualquer outro tempero. E é isso o principal ensinamento da cozinha : fazer e criar coisas com a sua personalidade. É isso que faz a Cozinha Moderna ser tão bem conceituada.

Espero poder fazer um belo trabalho para vocês, leitores, e que nesse ano de 2014, nós possamos sempre aprender e trocar, compartilhar informações, experiências, enfim… tudo o que puder ser compartilhado!

Get ready ‘cause…

bkg1 - Cópia