Sabores do Mundo – Segunda Temporada – Review

Olá, Sweeties ! A segunda temporada do Sabores do Mundo acabou, mas vocês ainda podem rever todas as aventuras da Chilly no continente Europeu. Foram viagens incríveis, com direito a paisagens belíssimas, muito conhecimento sobre a cultura e a influência desses países para o restante do mundo, além da enorme diversidade de ingredientes e pratos típicos lindos de cada região. Para acessar os posts da Segunda Temporada do Sabores do Mundo, basta clicar nos links abaixo :

E para quem quiser conferir, abaixo fizemos uma coletânea com as melhores fotos da Chilly durante sua longa viagem pelos oito países da segunda temporada do Sabores do Mundo.

insta_review_minor

Um beijo e até a próxima !

Get ready ‘ cause …

bkg1 - Cópia

Anúncios

Sabores do Mundo – França

Olá, Sweeties ! Nesse último episódio da segunda temporada do Sabores do Mundo, vamos introduzir à vocês um pouquinho sobre a cultura e a gastronomia francesa, passando por diversos lugares lindos e a nossa correspondente, Chilly, vai nos mostrar tudo o que esse país têm a nos oferecer. Vamos embarcar em mais uma aventura?

Chilly na Torre Eiffel

Chilly na Torre Eiffel

A República Francesa é um país da Europa Ocidental que faz fronteira ao norte, com a Bélgica e Luxemburgo, à nordeste com a Alemanha, a leste, com a Suíça e com a Itália, ao sul, com a Espanha e com as micronações de Mônaco e Andorra.

2

Passeando pelo Palácio de Versalhes

A França é um país de temperaturas amenas, com chuvas constantes e sol abundante. Ao norte e a oeste, o clima é mais fresco e úmido. Nas cidades mediterrâneas, o clima é mais quente e seco. Ao norte e noroeste, o clima é mais temperado, enquanto que na França metropolitana, o clima é influenciado pelo mar, pela altitude e latitude. No sudoeste,o clima que prevalece é o mediterrâneo, e no oeste, o clima é predominantemente oceânico.

Admirando as obras no Museu do Louvre

Admirando as obras no Museu do Louvre

Do ponto de vista cultural, a França tem sido uma das principais influências para as novas gerações, nos ramos de artes, literatura, filosofia, arquitetura e música desde os séculos passados.  As manifestações artísticas encontradas na França, começam a partir do período pré-histórico, em estilo franco-cantábrico.  Podemos destacar movimentos como o Rococó, o Gótico, o Renascentista, o Barroco, o Neoclássico e o Romântico. Todos esses estilos ainda são muito importantes para a sociedade, em geral, pois retratam a história do que aconteceu no país e no mundo durante todo aquele período.

Art

(Imagens da Internet)

Na literatura, a França é um dos que mais influenciaram a cultura e a língua de diversos países. Nomes como Alexandre Dumas, Victor Hugo, Júlio Verne, Voltaire, Charles Baudelaire, Antoine de Saint-Exupéry são alguns dos gênios que influenciaram a política, a filosofia, se tornando algumas das figuras emblemáticas do país.

Lit

(Imagens da Internet)

A arquitetura francesa possui resquícios de outros povos, como por exemplo, os celtas, que deixaram a sua marca nos monólitos e nos megálitos. Os gregos, por sua vez, deixara sua herança na cidade de Marselha. Já os romanos, deixaram como herança, o templo de Maison Carrée, situado na cidade de Nimes. Alguns exemplos do estilo Góticos, também podem ser verificado em construções, mais precisamente em algumas catedrais. Notre-Dame, Chartres, ou também no Palácio de Fontainebleau. A arte barroca e o rococó, podem ser vistas no Palácio do Louvre e no Pantheon de Paris. O movimento do Modernismo, tem como sua obra mais icônica, a Torre Eiffel.

???????????????????????????????

(Imagens da Internet)

 A culinária francesa abrange uma infinidade de pratos, que são muito apreciados mundialmente. Tradicionalmente falando, cada região do país possui sua identidade própria,porém a grande variedade de queijos, vinhos, doces, carnes e legumes, são a marca registrada da cozinha da França.

Dando uma voltinha pelo Castelo de Chambord

Dando uma voltinha pelo Castelo de Chambord

No Noroeste francês, há um grande uso de maçãs, manteiga e creme fraîche. No sudeste, a culinária provençal é composta principalmente por azeite, verduras e tomates, enquanto que, a cozinha do sudoeste faz uso da gordura de pato, do foie gras, moelas e cogumelos. A cozinha do nordeste francês é similar à cozinha da Alemanha, e utiliza em seus preparos a banha de porco, o chucrute e as salsichas.

Além desse apanhdo geral, vale ainda destacar a culinária local do vale do Rio Loire, que é bastante conhecida por seus pratos delicados à base de peixes de água doce e conhecida também pelos sua variedade de vinhos brancos. Há também a culinária basca, que faz a utilização de tomates e pimentões, além ainda da culinária da região do Roussillon, que é semelhante à cozinhada região da Catalunha.

Alguns pratos típicos franceses :

  • Blanquette de veau : É basicamente um ensopado à base de vitela.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

(Imagem da Internet)

  • Coq au Vin : Trata-se de galo cozido em vinho tinto, com legumes e temperos.

Coq au Vin

(Imagem da Internet)

  • Crème brûlée : É basicamente um creme cozido em banho-maria, resfriado e com uma crosta de açúcar queimado por cima.

Crème Brulée

(Imagem da Internet)

  • Mille-feuilles : Essa é uma sobremesa composta por massa folhada, creme, frutas e chantilly.

Mille Feuille

(Imagem da Internet)

  • Bouillabaisse : Consiste em um guisado ou sopa de peixes provenientes do Mar Mediterrâneo.


Bouillabaisse

(Imagem da Internet)

  • Boeuf bourguignon : Trata-se de um guisado de carne bovina, cogumelos e vegetais e vinho tinto.

Boeuf Bourguignon

(Imagem da Internet)

E por último e não menos importante, vamos ensinar hoje à vocês, uma receita tradicional francesa. O Ratatouille é um prato muito saboroso e bem simples de fazer. Pegue o papel e a caneta e anote essa receita!

Ratatouille

(Imagem da Internet)

Para preparar essa delícia, vamos precisar dos seguintes materiais :

  • Uma faca afiada
  • Uma tábua de bambu
  • Um refratário

Ingredientes do Ratatouille  : 

  • 1 berinjela média
  • 1 abobrinha italiana média
  • 1 pimentão amarelo
  • 2 tomates italianos maduros
  • ½ cebola roxa média
  • 2 dentes de alho
  • 100 ml de passata ou polpa de tomate
  • Sal à gosto
  • Pimenta preta
  • Azeite de oliva à gosto
  • Tomilho à gosto

Modo de preparo do Ratatouille : 

Comece cortando todos os vegetais em rodelas. Pique bem o alho.  Cubra o fundo do refratário com a polpa de tomate e distribua o alho sobre o molho de tomate. Disponha os vegetais alternadamente sobre o molho, até que não reste nenhum. Tempere com o sal, a pimenta e o tomilho, regue com azeite e leve para assar em forno pré-aquecido a 180ºC, por aproximadamente 35 a 40 minutos.

Música Sweetie para se ouvir enquanto cozinha :

Um beijo e até a próxima !
Get ready ‘ cause …

bkg1 - Cópia

Sabores do Mundo – Suíça

Olá, Sweeties ! O Sabores do Mundo dessa segunda desembarca na Suíça e a nossa correspondente, Chilly, nos mostra tudo de interessante que ela encontrou na terra dos melhores queijos e chocolates. Eu tenho certeza de que vocês vão gostar da Suíça tanto quanto nós. E então, vamos embarcar em mais uma aventura?

1

Chilly no Matterhorn

 

A Confederação Suíça é um país situado na Europa Central. O país faz fronteira ao norte, com a Alemanha e com a França, ao sul, com a Áustria, a oeste com a Itália e a leste, com Liehtenstein, os quais ajudaram na formação linguística e cultural da Suíça. A Suíça possui um clima temperado, sendo bem distintos os verões, que são mais amenos, dos invernos, que são bem rigorosos.

Chilly visitando o Castelo de Chillon

Chilly visitando o Castelo de Chillon

Com relação à fauna e à flora, a Suíça, devido à sua altitude, possui uma grande variedade de espécies. Na parte mais ao sul do país, mais precisamente no cantão de Ticino, o clima é mediterrâneo, e pode se observar a incidência de eucaliptos e pinheiros, enquanto que, na fauna, podemos observar a incidência de lobos, íbex, marmotas, gaivotas e corvos.

Chilly passeando pelo Museu Nacional Suíço

Chilly passeando pelo Museu Nacional Suíço

Na literatura, nomes como , Blaise Cendrars, Hermann Hesse e Jean-Jacques Rousseau contribuíram para moldar o cenário filosófico, teórico e político, salvo ainda no ponto de vista poético e romancista das diferentes épocas e contextos históricos da Suíça.

Edit

(Imagens da Internet)

Os esportes também são um ponto forte da Suíça. Nos esportes individuais, podemos destacar o tênis, o atletismo,a ginástica, o esqui; e nos esportes coletivos, temos o futebol, vôlei, hóquei no gelo, entre muitos outros.

4

Chilly no Lago dos Quatro Cantões

A culinária típica da Suíça é influenciada pelos países que fazem fronteira com ela, e o leite é uma das suas principais bases.  Pratos feitos com bases de castanhas também são amplamente encontrados pelo país. A Suíça também é muito conhecida por seus queijos, vinhos e chocolates, o que torna o país um destino estonteante para quem é amante da boa comida.

Alguns pratos típicos da Suíça :

  • Birchermüesli : É uma espécie de mingau, servido mais comumente no café da manhã. É preparado com aveia, leite ou iogurte, limão, frutas como maçãs ou pêras e amêndoas.

Birchermueesli

 

(Imagem da Internet)

  • Cervelat É um tipo de linguiça fabricada com uma mistura de carnes bovina, bacon e carne de porco. Pode ser servida acompanhada de pães, torradas e queijos.

Cervelat

(Imagem da Internet)

  • Quiche : Consiste em uma torta de massa amanteigada, que tem como base do seu recheio, ovos, cebolas e especiarias.

Quiche

(Imagem da Internet)

  • Raclette : É um prato quese assemelha com o nosso fondue. Consiste em um queijo aquecido e raspado sobre o prato, que servido juntamente com batatas inglesas, picles, presunto cru, lombo defumado, entre outros.

Raclette

(Imagem da Internet)

Abaixo, um vídeo demonstrando como a raclette é servida :

  • Rösti : Consiste em uma batata frita, cozida ou ralada, frita em manteiga ou óleo, e que pode ser servida com bacon, toucinho, legumes, queijos, assemelhando-se a uma panqueca.

Rösti(Imagem da Internet)

E por último e não menos importante, vamos ensinar à vocês a como preparar um delicioso gratinado de batatas, chamado de Älplermagronen. Vamos preparar ?

Älplermagronen

(Imagem da Internet)

Para preparar essa receita, vamos precisar dos seguintes materiais :

  • Uma caçarola grande
  • Uma frigideira
  • Uma espátula de silicone
  • Uma assadeira grande

Ingredientes do Älplermagronen : 

  • 2 batatas grandes descascadas e cortadas e cubos
  • 1 pacote de macarrão tipo penne
  • 2 cebolas grandes cortadas em fatias
  • 4 colheres de sopa de manteiga
  • 1 xícara de queijo Raclette ralado
  • 1/2 xícara de creme de leite fresco
  • Sal à gosto
  • Pimenta preta moída na hora à gosto

Modo de preparo do Älplermagronen : 

Em uma caçarola, ferva e salgue 5 litros de água. Em uma frigideira, derreta  a manteiga e frite as cebolas até que fiquem douradas. Na caçarola, cozinhe o macarrão e as batatas, mexendo sempre para evitar que grudem um no outro. Escorra o macarrão e as batatas e disponha-os na assadeira. Misture o creme de leite com o sal e a pimenta e reserve. Na assadeira, polvilhe o macarrão e as batatas com o queijo, em seguida, regue com o creme de leite. Despeje as cebolas por cima e leve para assar em forno pré-aquecido a 200ºC, até que fique dourado e o queijo, derretido.

Música Sweetie para se ouvir enquanto cozinha :

Espero que tenham gostado. Um beijo e até a próxima !

Get ready ‘ cause …

bkg1 - Cópia

Sabores do Mundo – Itália

Boa noite, Sweeties ! O Sabores do Mundo dessa semana faz um passeio pela lindíssima Itália e nos trás as raízes de uma cultura tão rica de um país belíssimo. E então, vamos conferir mais essa aventura da nossa correspondente, Chilly ?

Chilly passeando pelo Grande Canal de Veneza

Chilly passeando pelo Grande Canal de Veneza

A República Italiana é um país situado na região centro-sul da Europa. O país faz fronteira pelos Alpes, com a França, Suíça, Áustria e Eslovênia; e ao sul, o país é delimitado pelo Mar Mediterrâneo. O clima da Itália varia de acordo com a região. Ao norte, o  clima encontrado é o continental, enquanto que, próximo da região de Florença, o clima encontrado é o clima mediterrâneo, com verões secos e bem ensolarados.

Chilly na Torre de Pisa

Chilly na Torre de Pisa

Um dos pontos culturais mais notáveis da Itália, é a arquitetura. Construções como arcos, cúpulas e estruturas inspiradas na Roma Antiga, mostram também que o país foi o criador do movimento renascentista de arquitetura. O Palladianismo também foi um estilo de construção nascido na Itália.

Arquitetura

(Imagem da Internet)

Nas Artes, A Itália se destaca por ser o lar de diversos movimentos artísticos, tais como o Renascimento e o Barroco. Nomes como Michelangelo, Rafael, Donatello e Leonardo da Vinci, são grandes nomes que contribuíram para a formação histórico-cultural do país nos âmbitos da ciência, da literatura e da música.

Artes

(Imagem da Internet)

 Na literatura, alguns nomes também foram muito importantes para compor a cultura italiana. Dante Alighieri, autor de A Divina Comédia, Boccaccio, Castiglione, Luigi Pirandello, além de muitos outros, participaram de movimentos como por exemplo o Renascimento, e  mudaram totalmente o âmbito cultural, influenciando pessoas da época e se tornando os maiores pensadores do contexto histórico italiano.

Literatura

(Imagem da Internet)

 A culinária italiana foi evoluindo através dos séculos, devido às mudanças socias e políticas que moldaram o país. Desde a descoberta do Novo Mundo, ingredientes como as batatas, milho, pimentões, tomates, entre muitos outros passaram a ser introduzidos na composição de alguns pratos típicos italianos.

Chilly no Coliseu

Chilly no Coliseu

Queijos e vinhos são itens importantes na cozinha italiana,variando seus usos de acordo com a região do país, pois em determinados lugares eles assumem certas funções que em outros , não seriam funções adequadas.

Chilly no Panteão, em Roma..

Chilly no Panteão, em Roma..

O café expresso, as massas, tais como as pizzas, macarrão, lasanhas, pães em geral, frutos do mar, gelatos, entre muitos outros itens são indispensáveis nas mesas tradicionais da Itália. Bebidas como o Limoncello, o vinho Marsala e o Zammù são típicas da região da Sicília.

Alguns pratos típicos da Itália :

  • Arancini : É um bolinho de risoto frito, que pode ser recheado com mozzarela, tomates, ervilhas, presunto, entre outros.

Arancini

 

(Imagem da Internet)

  • Bistecca alla palermitana : É um bife de vitela temperado com azeite, sal e pimenta, empanado em farinha de rosca grossa e grelhado. É um prato típico da cidade de Palermo.

Bistecca Alla Parlemitana

(Imagem da Internet)

  • Buccellato : É um doce típico da região da Sicília. É feito de uma massa fina, recheado com figos secos, passas, amêndoas, casca de laranja e outros ingredientes aromáticos.

Buccellato

(Imagem da Internet)

  • Cannoli : Consiste em uma massa doce enrolada e frita, que pode ser recheada por um creme doce de ricota ou queijo mascarpone, chocolate, pistache, vinho Marsala, água de rosas, entre outros recheios.

Cannoli

(Imagem da Internet)

  • Cassata Siciliana : É um bolo com base de pão-de-ló, creme de ricota açucarado, pasta reale, que é uma massa à base de amêndoas, frutas cristalizadas, pistache, pinhões, chocolate, canela e cerejas ao marrasquino.

Cassata siciliana

(Imagem da Internet)

  • ‘Mpanatigghi : É um pastel recheado com carne bovina, chocolate, amêndoas, açúcar, canela e baunilha.

Mpanatigghi

 

(Imagem da Internet)

Por último e não menos importante, vamos ensinar hoje à vocês a preparar um delicioso Linguine com tomate e mozzarella, receita do nosso italiano preferido, Gennaro Contaldo.

Linguini com tomate e mozzarella

(Imagem da Internet)

Para preparar essa receita, vamos precisar dos seguintes materiais :

  • Uma caçarola grande
  • Uma frigideira
  • Uma pinça culinária

Ingredientes do Linguine: 

  • 4 dentes de alho picados
  • 1 pimenta seca picada
  • 1 maço de salsinha
  • 2 tomates grandes picados
  • 1 xícara de água
  • 200 gramas de macarrão tipo Linguine
  • 150 gramas de queijo Mozzarella em pedaços
  • Azeite à gosto

Modo de preparo do Linguine : 

Em uma caçarola, cozinhe o macarrão em água salgada, pelo tempo indicado na embalagem. Em uma frigideira aquecida, coloque o azeite e junte o alho e a pimenta. Adicione o tomate, a salsinha e a água, e cozinhe por aproximadamente 5 minutos. Escorra o macarrão e adicione-o à panela do molho, reservando um pouco da água de cozimento do macarrão para deixar o molho menos denso. Misture o macarrão ao molho e junte a mozzarella. Tempere com mais salsinha e sirva ainda quente.

Para quem quiser seguir a receita na íntegra :

Música Sweetie para se ouvir enquanto cozinha :


Um beijo e até a próxima !
Get ready ‘ cause …

bkg1 - Cópia

Especial de Natal do It’s Sugar Time !

Olá, Sweeties !

17th

Ceia de Natal da Chilly

 

Hoje, a equipe do It’s Sugar Time gostaria de desejar a todos os seus leitores, um Natal ótimo, cheio de alegrias, realizações, compaixão, amor ao próximo… E que todos os sonhos de vocês se realizem. Queremos que, nessa data tão especial, vocês estejam presentes com as pessoas que vocês amam, estejam em comunhão e que comemorem juntos. Nós desejamos à vocês que nunca falte amor, sabedoria, compaixão e, acima de tudo, união. Que a ceia de vocês seja gostosa, mas que também sejam o momento de vocês refletirem sobre o real significado do Natal. Fiquem com as suas famílias e desfrutem desse momento mágico. Tenham um feliz natal !

Um beijo e até a próxima !

Get ready’ cause …

bkg1 - Cópia

Sabores do Mundo – Alemanha

Olá, Sweeties! O Sabores do Mundo de hoje desembarca na Alemanha, e a Chilly nos mostra tudo de interessante, desde a cultura até a culinária local, que é simplesmente incrível. E então,vamos embarcar nessa aventura? 😀

1

Chilly na Oktoberfest

A República Federal da Alemanha é um país situado na Europa Central. Ao norte, o país é delimitado pelo Mar do Norte, pela Dinamarca e pelo Mar Báltico; a leste, é delimitado pela Polônia e pela República Checa, faz fronteira ao sul, com a Áustria e com a Suíça, a oeste, é delimitada pela França, Luxemburgo, Bélgica e Países Baixos.

Chilly no Reichstag Berlin

Chilly no Reichstag Berlin

A maior parte do território alemão possui clima temperado, com ventos úmidos ocidentais predominantes. Ao norte e noroeste, o clima é oceânico, onde as chuvas são recorrentes durante o ano todo, tendo o seu ápice durante o verão. Ao leste, o clima é continental, onde os invernos podem ser muito rigorosos, os verões podem ser muito quentes e podem ocorrer períodos de seca.

Chilly passeando pela Legoland

Chilly passeando pela Legoland

Do ponto de vista literário, a Alemanha relembra a Idade Média. Nomes como Walther von der Vogelweide, Wolfram von Eschenbach, Johann Wolfgang von Goethe e Friedrich Schiller moldam o cenário da literatura e poesia do país. Friedrich von Schiller

(Imagem da Internet)

Na música, podemos encontrar diversos estilos diferentes, desde compositores eruditos, até bandas de heavy metal. Johann Sebastian Bach, Ludwig van Beethoven, Kraftwerk e Scorpions são alguns dos nomes que montam o estilo e moldam a cultura alemã.

Bandas

(Imagem da Internet)

Na culinária, a Alemanhã varia de acordo com as regiões do país. Carnes bovinas, suínas e de aves, são as carnes mais consumidas no país. Em todo o terrítório alemão, o maior consumo de carne se dá na forma de salsichas e linguiças. Também há um consumo bem grande de batatas, couve, entre muitos outros alimentos.

Chilly no Portão de Brandemburgo

Chilly no Portão de Brandemburgo

A Alemanha também é conhecida por ser a maior consumidora de cervejas do mundo. As cervejas também podem ser utilizadas no preparo de pratos tradicionais, como o Biergoulash. O país também conta com um número bem razoável de variedades de pão. Ao todo, somam-se aproximadamente 1200 tipos de pão diferentes a se encontrar em todo o território alemão.

Alguns pratos típicos da Alemanha :

  • Bratwurst : São as linguiças típicas da Alemanha. Podem ser grelhadas, cozidas, fritas, etc.

Bratwurst

(Imagem da Internet)

  • Eisbein : É o joelho de porco, que pode ser acompanhado por batatas e chucrute.

Eisbein

(Imagem da Internet)

  • Kartoffelpuffer : São uma espécie de panqueca à base de batatas. São os acompanhamentos mais comuns para o joelho de porco, para as linguiças, entre muitos outros pratos.

Kartoffelpuffer

(Imagem da Internet)

  • Knodel : São bolinhas de massa, geralmente de carnes, pão e temperos, que combinam muito bem com batatas e chucrute.

Knodel

(Imagem da Internet)

  • Sauerkraut : Esse é o famoso chucrute. É basicamente composto por repolho, que passa por um processo de fermentação, que o deixa ácido. É o principal acompanhamento de diversos pratos alemães.

Chucrute

(Imagem da Internet)

E por último e não menos importante, ensinamos à vocês hoje, uma receita de Apfelstudel, um doce delicioso e simples de preparar. Vamos lá?

Apfelstrudel

(Imagem da Internet)

Para preparar essa receita, vamos precisar dos seguintes materiais :

  • Um descascador de legumes
  • Uma faca afiada
  • Uma tábua de bambu
  • Um bowl médio
  • Uma espátula de silicone
  • Um processador de alimentos
  • Um bowl grande
  • Uma batedeira
  • Papel-filme
  • Um rolo de massas
  • Um pincel de silicone
  • Uma assadeira grande

Ingredientes do Apfelstrudel : 

Massa :

  •  500 gramas de farinha de trigo
  • 1/2 colher de chá de sal
  • 3 colheres de sopa de manteiga sem sal
  • 1 ovo
  • 1 gema
  • 1/2 colher de chá de vinagre
  • 200 ml de água
  • 150 gramas de manteiga sem sal derretida

Recheio : 

  • 1 kg de maçãs verdes
  • 100 gramas de uvas-passa brancas
  • 100 gramas de nozes picadas
  • 4 colheres de sopa de açúcar cristal
  • 1 colher de sobremesa de canela em pó
  • 1/4 colher de chá de cravo em pó
  • 1 colher de chá de noz-moscada ralada
  • 1 colher de sopa de fécula de batata

Modo de preparo do Apfelstrudel : 

Para a massa, em um processador, coloque a farinha, o sal e a manteiga em temperatura ambiente e processe. Acrescente os outros ingredientes e misture bem. Coloque a massa em uma batedeira, com o gancho, e bata em velocidade média por 10 minutos. Coloque a massa em bowl untado com óleo, cubra com papel-filme e deixe descansar por aproximadamente 2 horas. Para o recheio, descasque e retire os miolos das maçãs. Corte-as em cubos médios e misture junto aos outros ingredientes em um bowl e reserve. Enfarinhe levemente uma superfície, coloque a massa no centro e abra com o auxílio de um rolo, até que a massa fique com aproximadamente 1 cm de espessura. Puxe a massa do centro para as pontas, delicadamente, para que a massa não se rompa, até que ela fique bem fina, até que ela fique translúcida. Corte as bordas mais grossas da massa. Pincele a massa com a manteiga derretida. Organize o recheio na borda mais fina da massa, tendo o cuidado de deixar uma sobra da massa sobre o recheio. Enrole a massa, corte o excesso de massa das pontas e aperte bem as bordas para selar a massa, para que o recheio não escorra. Disponha a massa em uma assadeira e pincele-a com manteiga derretida. Leve para assar em forno pré-aquecido a 200ºC por aproximadamente 1 hora, ou até que o recheio esteja macio.

Música Sweetie para se ouvir enquanto cozinha :  –

Um beijo e até a próxima !

Get ready ‘ cause … bkg1 - Cópia

Sabores do Mundo – Irlanda

Olá, Sweeties ! O Chefs do Mundo de hoje apresenta a cultura e a diversidade que a Irlanda tem a nos oferecer. Vamos embarcar nessa aventura com a Chilly ? 😀

Chilly passeando pelas Falésias de Moher

Chilly passeando pelas Falésias de Moher

A Irlanda é um estado soberano da Europa, que ocupa cerca de cinco sextos da ilha homônima. Sua capital é Dublin, e sua população estimada é de 4,58 milhões de habitantes. O país é banhado a oeste pelo Oceano Atlântico, a nordeste pelo Canal do Norte; ao leste, pelo Mar da Irlanda e a sudeste e sul pelo Canal de São Jorge e pelo Mar Céltico.

Chilly turistando pelo Castelo de Dublin

Chilly turistando pelo Castelo de Dublin

O país possui um clima temperado, que é recorrente das mudanças de corrente do Atlântico Norte, sendo um clima relativamente suave. Os verões não costumam ser muito quentes e faz frio no inferno,sem a recorrência de neve. As precipitações são comuns, tendo até 275 dias chuvosos por ano em algumas cidades do país.

Chilly no Castelo de Ross - Ring of Kerry

Chilly no Castelo de Ross – Ring of Kerry

Como principal ponto cultural da Irlanda, devemos sempre citar o dia de São Patrício. No dia 17 de março, homenageia-se o padroeiro da Irlanda. que abriu as portas para o Cristianismo no país. No dia 1º de fevereiro, celebra-se a festa céltica Imbolc, onde é comemorada a fertilidade da terra e da deusa Brid, a deusa do fogo.

Dia de São Patrício

(Dia de São Patrício – Imagem da Internet)

No cenário musical, a Irlanda se destaca com nomes de peso e som de qualidade. Nomes como Sinéad O’Connor, U2, The Cramberries, Snow Patrol, Enya, Celtic Woman são alguns dos grandes pilares que sustentam a cultura musical do país.

Irenland - Music

(Imagem da Internet)

 No ponto de vista gastronômico, a Irlanda é um país que consome diversos vegetais, peixes e frutos do mar, licores, whisky’s, cervejas; ingredientes que compõe o estilo tradicional dos pratos, refletindo a cultura do país.

Passeio no Phoenix Park

Passeio no Phoenix Park

Alguns pratos típicos irlandeses :

  • Blaa : É um pãozinho típico da região de Waterford. É feito à base de fermento, açúcar, água e sal.

Blaa

(Imagem da Internet)

  • Boxty : É um tipo de panqueca de batata, recheada com carnes, queijos, e acompanhada por molhos.

Boxty

 

(Imagem da Internet)

  • Champ : É um creme que tem como base, batatas amassadas, temperadas com cebolinha, manteiga, sal e pimenta preta. É equivalente ao nosso purê de batatas.

Champ

(Imagem da Internet)

  • Colcannon : É parecido com o Champ, diferenciando-se apenas pelo uso da couve, sal, pimenta, alho e cebolas.

Colcannon

(Imagem da Internet)

  • Codddle : Esse é um prato à base de salsichas de porco cozidas, batatas, cenouras e temperos.

Food Healthy Coddle

 

(Imagem da Internet)

  • Soda Bread : É um pão que tem como principal ingrediente o bicarbonato de sódio.

Soda Bread

(Imagem da Internet)

Por último e não menos importante, vamos ensinar uma receita de Irish Stew , deliciosa, prática e fácil de se preparar. E então, vamos cozinhar ?

Irish Stew

(Imagem da Internet)

Para preparar essa iguaria, vamos precisar dos seguintes materiais :

  • suf

Ingredientes do Irish Stew  :

  • 1 e 1/2 kg de alcatra cortada em cubos
  • 170 gramas de bacon picado
  • 12 cebolas pequenas sem casca
  • 18 cogumelos-paris
  • 1 alho poró picado
  • 3 cenouras grandes cortadas em pedaços
  • 12 dentes de alho amassados
  • 1 colher de sopa de tomilho
  • 2 xícaras de vinho tinto seco
  • 2 xícaras de caldo de carne
  • 1/4 de xícara de manteiga
  • 1/2 xícara de farinha de trigo
  • Salsinha picada à gosto
  • Azeite à gosto
  • Sal à gosto
  • Pimenta preta moída na hora à gosto

Modo de preparo do Irish Stew: 

Numa panela grande, frite a alcatra e o bacon no azeite até dourar. Reserve. Na mesma panela, coloque as cebolas, o cogumelo e o alho-poró e tempere com sal e pimenta. Frite rapidamente. Junte o alho, a salsa, o tomilho e a carne reservada. Cubra com o vinho e o caldo de carne e ferva em fogo médio por uma hora ou até que a carne esteja macia.Aqueça a manteiga em uma pequena frigideira e adicione a farinha. Retire o cozido da panela deixando apenas o molho. Adicione a mistura e cozinhe até o molho ficar homogêneo. Recoloque o cozido no molho e sirva acompanhado das batatas assadas.

Música Sweetie para se ouvir enquanto cozinha :

Espero que tenham apreciado essa viagem pelo território Irlandês.

Um beijo e até a próxima !

Get ready ‘ cause …

bkg1 - Cópia